Cap 101 - Pra toda a vida...
"Tive meus motivos para demorar a postar. Desculpe a quem não respondi no face, mas eu disse que estava com problemas e a última coisa sobre o que eu iria querer era falar era sobre web. Desculpe e obrigada pela paciência. Beijos."


***

Roberta quer acreditar nisso, mas não é tão fácil como as palavras fazem parecer.
-Não vai dar pra esquecer. –Diz, soltando a mão dele.
-Mas não é preciso esquecer. Se a gente se empenhar nos dias felizes que virão, porque eu SEI que virão, as lembranças tristes vão perder o espaço.
Ela segura os braços e dá um passo para trás.
-Não quero que sofra. Nem você, nem a Nina. –Ela olha para o chão e começa a franzir a testa, pensativa. –Eu sou um problema, Diego. Seu pai, o meu pai, o Franco, a Pilar, a Marina, a Patrícia... Sempre tem alguém com alguma coisa contra mim. Talvez eu seja a fonte de todos os problemas.
Marcadores: 30 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 100 - Voltar pra casa
-Não me ouviu? Venha logo! –O policial o segurou pelo braço.
-Não! Só um minuto! Por favor!
Mas o homem começa a leva-lo em meio à multidão.
Roberta percebe, ergue os olhos molhados e dá um passo até ele. Mas não chega a tempo. Em instantes já está sendo levada para o outro lado pelos seguranças e policiais.
Marcadores: 32 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 99 - Único amor
Algumas horas antes, na Itália...

Quando Diego chegou aos portões do orfanato Dom Bosco naquela manhã, o sol nem mesmo havia nascido. Ele não dormiu sequer um minuto desde a conversa com Patrícia. Seus pensamentos eram contraditórios e não o deixavam sossegado.
Assim que a primeira janela do velho prédio encardido se abriu, ele se pôs a chamar. A diretora demorou um pouco a traduzir seu italiano precário, mas Diego mostrou a ela os jornais com a foto de Nina, onde dizia que a menina havia sido sequestrada depois de um acidente de carro, e ela compreendeu o que estava acontecendo.
Marcadores: 34 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 98 - Esperança
Os hóspedes do hotel os observam entrar, passar cambaleantes e subir para o quarto. É uma cena incomum para um lugar tão quieto, então é impossível não reparar nos dois bêbados se escorando para não cair.
Quando já estão lá em cima, a garota abre a porta e eles entram. Diego já vai caindo de costas na cama. A mão apertando os olhos. O ambiente escuro logo ganha uma luz dourada quando Patrícia acende o abajur sobre o criado. Ela observa Diego deitado em sua cama e sorri. Muitas vezes imaginou essa cena. Seria delicioso ter aquele cara lindo só para ela essa noite, principalmente para depois poder acabar com o que sobrava de Roberta. Para Patrícia, o que a garota merecia, era encontrar alguém que a colocasse em seu lugar.
Marcadores: 20 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 97 - Fotografias
Diego está furioso.
-Você mentiu pra mim! –Ele grita se aproximando dela. –Fez com que eu dissesse a Roberta todas aquelas coisas sem nem mesmo saber onde está a minha filha! –Ele avança para apanhar o celular sobre o criado mudo. –Eu tenho que ligar pra ela!
-Você é quem sabe.  –Patrícia dá de ombros. –Sou a única esperança pra você. Se eu não quiser, nunca mais vai saber daquela menina!
-Eu vou te entregar à polícia. –Diego ameaça enquanto telefona para a casa de Eva. –Quero ver se em uma cela você não confessa!
Marcadores: 17 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 96 - As condições de Patrícia
-Como conseguiu?
A garota se inclina.
-É segredo.
Diego fica desorientado.
-O que você está dizendo? Ela está com você?
Marcadores: 20 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 95 - Uma pista para Diego
Roberta é levada para a casa da mãe naquela tarde. Todos acreditam que ficará melhor lá do que em qualquer outro lugar. Sílvia manda o motorista levar as coisas dela e de Nina para a casa de Eva e pede também que lhes mantenham informados.
 Quando Eva ajuda a filha a se deitar na cama, precisa se segurar parar não entrar em desespero. Nunca a viu daquele jeito. Seu olhar está como de alguém mentalmente perturbado que encara o nada e não responde a nenhum estímulo.
Marcadores: 17 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 94 - Roberta foge
Roberta entra em casa com os nervos a flor da pele. Tem alguns arranhões no braço e o cabelo também está bagunçado.
-Se você não chegasse, eu a mataria! –Revela.
-Acalme-se. –Sílvia é paciente. –Aquela mulher não vai mais chegar perto de nós.
Marcadores: 10 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 93 - Asma
Depois de duas semanas, Roberta e Nina já estão bem habituadas à casa dos Maldonado. Os meninos, principalmente Danilo, estão sempre brincando com a menina e são muito protetores. Sílvia é atenciosa e Leonardo baba a neta o tempo todo, o que lhe dá muito assunto com Roberta.
-Ela me lembra a Márcia quando era bebê. –Ele traz um álbum de fotos e entrega a ela. –Olhe só.
Roberta revira as fotos e encontra realmente algumas semelhanças. Quando chega às fotos de Diego, fica chateada de ainda estar brigada com ele, mas tenta disfarçar.
Marcadores: 12 comentários | | edit post
Avaliação 
Cap 92 - Vovô!
Esperando em um frio e antipático corredor por um longo tempo, Diego só faz suspirar de ansiedade. Quando observa o médico finalmente se aproximar com uma papelada presa à prancheta e um sorriso no rosto, fica aliviado.
-Olá. Eu tenho boas notícias. Seu pai poderá voltar para casa em alguns dias.
-Sério? Mas isso é ótimo! –Ele fica eufórico de alegria.
-Sim, mas terá de ficar de repouso por algum tempo. Aliás, ele está acordado agora e pediu para falar com você, pode vir?
Marcadores: 0 comentários | | edit post
Avaliação 

Followers

Quem vos escreve:

Blogger Wordpress Gadgets